Páginas

quinta-feira, 25 de julho de 2019

QUESTÕES DE VESTIBULAR E ENEM SOBRE PROBLEMAS ATMOSFÉRICOS

1- (FUVEST 2019) – A curva de temperatura do ar ilustrada na figura caracteriza um fenômeno meteorológico que é mais frequente no outono e no inverno. Em ambientes urbanos com elevado número de indústrias e poluição veicular, esse fenômeno pode ocasionar quadros de elevadas concentrações de poluentes, provocando problemas à saúde da população e danos à fauna e à flora.



O texto e a ilustração apresentados referem‐se
(A) à camada de ozônio.
(B) à inversão térmica.
(C) ao efeito estufa natural.
(D) à chuva ácida.
(E) ao smog fotoquímico.

2- (FUVEST 2018) Às vésperas da Cúpula do G20, que teve início em 07 de julho de 2017, em Hamburgo, na Alemanha, a chanceler alemã, Angela Merkel, discursou no Parlamento e referiu_se a atores políticos importantes no cenário mundial, conforme os trechos transcritos a seguir.

"Quem pensa que os problemas deste mundo podem ser resolvidos com o isolacionismo e o protecionismo está cometendo um enorme erro. Somente juntos podemos encontrar as respostas certas às questões centrais dos nossos tempos (...) Não podemos esperar até que a última pessoa na Terra esteja convencida da evidência científica das mudanças climáticas. Em outras palavras: o acordo climático (de Paris) é irreversível e não negociável." www.jb.com.br/pais/notícias.

Analise as três afirmações seguintes, quanto aos objetivos e ao teor desses trechos do discurso.

I. Podem ser entendidos como uma crítica à saída dos EUA do acordo sobre as mudanças climáticas construído na COP21 de 2015, em Paris, à época assinado pelo ex_presidente Barack Obama. A saída foi justificada pelo atual presidente Donald Trump, afirmando que o acordo seria prejudicial à economia americana.
II. Trata_se de um elogio à recente postura de algumas autoridades do Reino Unido, o qual, em seu processo denominado Brexit, pretende proteger a economia britânica, mas sem afetar seus compromissos financeiros com o acordo de Paris de 2015 e os relacionados com as questões estratégicas coletivas da Comunidade Europeia.
III. Faz_se uma crítica direta à França, que, mesmo tendo sido a sede da COP21 de 2015, vem continuamente desobedecendo a esse acordo, pois contraria as metas firmadas de emissão de CO2 em suas atividades industriais.

Está correto o que se afirma em
(A) I, apenas.
(B) II, apenas.
(C) I e III, apenas.
(D) II e III, apenas.
(E) I, II e III.

3- (Fuvest 2017) Segundo relatório do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC), inúmeras gigatoneladas de gases do efeito estufa de origem antropogênica (oriundos de atividades humanas) vêm sendo lançadas na atmosfera há séculos. A figura mostra as emissões em 2010 por setor econômico.


 Com base na figura e em seus conhecimentos, aponte a afirmação correta.

a) Os setores econômicos de Construção e Produção de outras energias, juntos, possuem menores emissões de gases do efeito estufa antropogênicos do que o setor de Transporte, tendo como principal exemplo ocorrências no sudeste asiático.
b) As maiores emissões de CH4 de origem antropogênica devem_se ao setor econômico da Agricultura e outros usos da terra, em razão das queimadas, principalmente no Brasil e em países africanos.
c) As maiores emissões de gases do efeito estufa de origem antropogênica vinculadas à Produção de eletricidade e calor ocorrem nos países de baixo IDH, pois estes não possuem políticas ambientais definidas.
d) Um quarto do conjunto de gases do efeito estufa de origem antropogênica lançados na atmosfera é proveniente do setor econômico de Produção de eletricidade e calor, em que predomina a emissão do CO2ocorrendo com grande intensidade nos EUA e na China.
e) A Indústria possui parcela significativa na emissão de gases do efeito estufa de origem antropogênica, na qual o N2O é o componente majoritário na produção em refinarias de petróleo do Oriente Médio e da Rússia.

4- A queima de combustíveis fósseis eleva as concentrações de SO3 e CO2 na atmosfera, que causam, respectivamente, os seguintes efeitos:
a) Degradação da camada de ozônio e chuva ácida.
b) Chuva ácida e efeito estufa.
c) Degradação da camada de ozônio e efeito estufa.
d) Chuva ácida e câncer de pele.
e) Efeito estufa e aumento da temperatura da atmosfera.

5- (ENEM 2011) Leia o texto.
Em 1872, Robert Angus Smith criou o termo - chuva ácida - descrevendo precipitações ácidas em Manchester após a Revolução Industrial. Trata-se do acúmulo demasiado de dióxido de carbono e enxofre na atmosfera que, ao reagirem com compostos dessa camada, formam gotículas de chuva ácida e partículas de aerossóis. A chuva ácida não necessariamente ocorre no local poluidor, pois tais poluentes, ao serem lançados na atmosfera, são levados pelos ventos, podendo provocar a reação em regiões distantes. A água de forma pura apresenta pH 7, e, ao contatar agentes poluidores, reage modificando seu pH para 5,6 e até menos que isso, o que provoca reações, deixando consequências.”
Disponível em: http://www.brasilescola.com. Acesso em: 18 maio 2010 (adaptado).

O texto aponta para um fenômeno atmosférico causador de graves problemas ao meio ambiente: a chuva ácida (pluviosidade com pH baixo). Esse fenômeno tem como consequência
a) a corrosão de metais, pinturas, monumentos históricos, destruição da cobertura vegetal e acidificação dos lagos.   
b) a diminuição do aquecimento global, já que esse tipo de chuva retira poluentes da atmosfera.   
c) a destruição da fauna e da flora e redução de recursos hídricos, com o assoreamento dos rios.   
d) as enchentes, que atrapalham a vida do cidadão urbano, corroendo, em curto prazo, automóveis e fios de cobre da rede elétrica.   
e) a degradação da terra nas regiões semiáridas, localizadas, em sua maioria, no Nordeste do nosso país.

6- Observe o mapa.

A maior frequência na ocorrência do fenômeno atmosférico apresentado na figura relaciona-se a 
a) concentrações urbano-industriais.   
b) episódios de queimadas florestais.   
c) atividades de extrativismo vegetal.   
d) índices de pobreza elevados.
e) climas quentes e muito úmidos.   

7- Um dos problemas urbanos bastante significativos é a poluição atmosférica que em decorrência da emissão de gases de efeito estufa e do uso do concreto e do asfalto, ocorre aumento das temperaturas urbanas, surgindo as “ilhas de calor” que contribuem para: (05 escores)
a) A redução das chuvas nas áreas rurais e no entorno dessas cidades.
b) um maior volume de chuvas causando grandes enchentes nos centros urbanos.
c) Uma melhor distribuição de chuvas nas áreas urbanas, reduzindo a temperatura.
d) A pouca variação, tanto de temperaturas elevadas como também de temperaturas baixas.
e) A ocorrência das chuvas e com isso melhorando a qualidade do ar.

8- Segundo o cientista da NASA James Hansen, a temperatura da Terra alcançou, nos últimos 30 anos, uma rápida ascensão de cerca de 0,2 graus Celsius, fenômeno este que jamais havia ocorrido dede que acabou a era glacial, há 12 mil anos. Tal aquecimento se explica, conforme o cientista, pelo aumento de emissão de gases estufa. São consequências do fenômeno de aquecimento global: 

I - Devastação dos leitos dos rios, das florestas e savanas.
II - Redução do volume e derretimento das geleiras e das calotas glaciais.
III - Maior possibilidade de formações de tempestades e ciclones, devido a mudança climática.
IV - aumento do nível dos oceanos e consequente desaparecimento das áreas costeiras.

A resposta que apresenta apenas as consequências do fenômeno é:
a) II, III e IV.
b) I e III.
c) I e II.
d) I apenas.
e) todas são verdadeiras.

9-(Cesgranrio) "Brasil é rota da sucata de chumbo." (Jornal do Brasil - 28/03/94) "Poluição põe Cubatão em emergência." (Folha de São Paulo - 02/09/94) "Redução de ozônio aumenta casos de câncer de pele." (Jornal do Brasil - 02/09/94) Essas e centenas de outras manchetes de jornal nos alertam sobre a gravidade dos problemas ambientais ocasionados pelas atividades do próprio homem. A seguir são feitas (4) afirmativas relacionadas a essa problemática atual. Analise-as:

I. O chumbo, como outros subprodutos de indústrias, acumula-se nas cadeias alimentares gerando um problema chamado magnificação trófica. (acúmulo de substancia que de um nível para outro)
II. Principalmente no inverno ocorre o fenômeno natural, a inversão térmica, que não traria graves problemas se não interferisse na dispersão dos poluentes.
III. O aquecimento global do planeta, denominado efeito estufa, é agravado pela intensa atividade industrial e pela contínua queima de combustíveis.
IV. O lançamento excessivo, na atmosfera, de gases como metano, destroem de forma irreversível a camada de ozônio.

São corretas as afirmativas:
a) apenas I e II.
b) apenas II e III.
c) apenas I, II e III.
d) apenas I, III e IV.
e) I, II, III e IV.

10-Um dos problemas ambientais decorrentes da industrialização é a poluição atmosférica. Chaminés altas lançam ao ar, entre outros materiais, o dióxido de enxofre (SO2) que pode ser transportado por muitos quilômetros em poucos dias. Dessa forma, podem ocorrer precipitações ácidas em regiões distantes, causando vários danos ao meio ambiente (chuva ácida). Com relação aos efeitos sobre o ecossistema, pode-se afirmar que:

I. As chuvas ácidas poderiam causar a diminuição do pH da água de um lago, o que acarretaria a morte de algumas espécies, rompendo a cadeia alimentar.
II. As chuvas ácidas poderiam provocar acidificação do solo, o que prejudicaria o crescimento de certos vegetais.
III. As chuvas ácidas causam danos se apresentarem valor de pH maior que o da água destilada. (Obtida por meio da evaporação)

Dessas afirmativas está(ão) correta(s):
a) I, apenas.
b) III, apenas.
c) I e II, apenas.
d) II e III, apenas.
e) I e III, apenas

11-As florestas tropicais úmidas contribuem muito para a manutenção da vida no planeta, por meio do chamado sequestro de carbono atmosférico. Resultados de observações sucessivas, nas últimas décadas, indicam que a floresta amazônica e capaz de absorver ate 300 milhões de toneladas de carbono por ano. Conclui-se, portanto, que as florestas exercem importante papel no controle

a) das chuvas ácidas, que decorrem da liberação, na atmosfera, do dióxido de carbono resultante dos desmatamentos por queimadas.
b) das inversões térmicas, causadas pelo acúmulo de dióxido de carbono resultante da não-dispersão dos poluentes para as regiões mais altas da atmosfera.
c) da destruição da camada de ozônio, causada pela liberação, na atmosfera, do dióxido de carbono contido nos gases do grupo dos clorofluorcarbonos.
d) do efeito estufa provocado pelo acúmulo de carbono na atmosfera, resultante da queima de combustíveis fósseis, como carvão mineral e petróleo.
e) da eutrofização das águas, decorrente da dissolução, nos rios, do excesso de dióxido de carbono presente na atmosfera.

12-Em outubro passado, cientistas revelaram que o aquecimento médio global cresceu em um índice superior as expectativas. No dia 13 de dezembro de 2000, os jornais publicaram que o Rio Grande do Sul bateu o recorde de consumo de energia devido às altas temperaturas registradas. O aumento da temperatura mundial, referido no texto, somente não poderia ser explicado

a) pelo efeito estufa.
b) pelo aumento na emissão de CO².
c) pela diminuição das reservas de petróleo.( * )
d) pelas queimadas das áreas vegetais.
e) pelos buracos na camada de ozônio.

( * ) A redução das reservas de petróleo somente é possíveis se ocorrer seu consumo exacerbado o que ocasionaria um aumento significativo na emissão de gases do efeito estufa e consequentemente o agravamento do aquecimento global, portanto, a questão deverá ser nula por seu mentor ou refeita.

13- O atual aquecimento global tem sido creditado a algumas atividades humanas que, aumentando a concentração atmosférica de CO2 e CH4, favorecem o aumento do efeito estufa. Assinale a opção que contribui para o aquecimento global.
a) Manter florestas artificiais para a produção de papel e móveis de madeira.
b) Substituir o consumo de combustíveis fósseis pelo álcool e pelo biodiesel.
c) Aumentar o plantio de soja para a alimentação do gado bovino.
d) Substituir geração de energia termoelétrica por energia nuclear.
e) investir em energias renováveis como eólica e solar.

14- Nos últimos anos, observa-se um aumento crescente do percentual de CO² na atmosfera. Entre outros efeitos, o excesso de CO² pode contribuir para:
a) resfriamento global.
b) diminuição da fotossíntese.
c) aumento da camada de ozônio.
d) aquecimento global.
e) diminuição da camada de ozônio.

15- Leia o texto. (Adaptada)

ILHAS DE CALOR AFETAM CIDADES MÉDIAS DE SP

(…) Uma pesquisa realizada por pesquisadores da Unesp (Universidade Estadual Paulista) constatou que a existência do fenômeno é cada vez mais evidente também em cidades médias paulistas. Segundo João Lima Sant'Anna Neto, professor do Departamento de Geografia do campus de Presidente Prudente (oeste do Estado), um levantamento feito em 14 cidades verificou que houve aumento de 1ºC na temperatura nos últimos 49 anos.
(Folha de S. Paulo – 02/08/2012. Disponível em: www.folha.uol.br)

Os registros da difusão de ilhas de calor nas cidades médias paulistas pode estar vinculado:

a) a diminuição do aquecimento global.
b) aos danos causados por projetos de arborização.
c) à verticalização dos ambientes urbanos.
d) à construção de espelhos d'água.
e) à falta de infraestrutura, a exemplo da não pavimentação das ruas.



16ª) (ENEM 2013)

No esquema, o problema atmosférico relacionado ao ciclo da água acentuou-se após as revoluções industriais. Uma consequência direta desse problema está na
(A) fragmentação das rochas.
(B) elevação das marés.
(C) erosão das encostas.
(D) laterização dos solos.
(E) redução da flora.

17ª) (UDESC 2016/2 – Adaptada FGG)
Um dos problemas ambientais enfrentado em várias regiões do mundo é a chuva ácida. Esse fenômeno refere-se a uma precipitação mais ácida que a chuva natural, a qual possui um pH de aproximadamente 5,6, ou seja, chuva não poluída. A precipitação ácida causa a deterioração de estátuas feitas de rochas calcárias e de mármore, assim como a acidificação de lagos, levando à morte muitos organismos vivos, que não sobrevivem em meio ácido.

Analise as proposições sobre os processos envolvidos na chuva ácida.
I.              A queima de combustíveis fósseis é um fator que contribui para o aumento da emissão de dióxido de enxofre e, consequentemente, a ocorrência de precipitações de caráter ácido.
II.             Os dois ácidos predominantes na chuva ácida, responsáveis por conferir um caráter mais ácido, são os ácidos nítrico e sulfúrico. A formação do ácido sulfúrico pode ocorrer pela oxidação do dióxido de enxofre na atmosfera, resultando em trióxido de enxofre. Então, o gás trióxido de enxofre reage com a água e resulta na formação do ácido sulfúrico.
III.           Em uma atmosfera limpa, ou seja, com níveis normais de dióxido de carbono, o pH da chuva é aproximadamente 5,6, devido à solubilização desse gás atmosférico na água, levando à formação do ácido carbônico.
IV.           A corrosão de metais, pinturas, monumentos históricos, destruição da cobertura vegetal e acidificação dos lagos são consequências desse fenômeno.

Está(ão) correta(s):
( A) Somente as afirmativas II, III e IV.
( B) Somente as afirmativas I e II.
( C) Somente as afirmativas I, III e IV.
( D) Somente as afirmativas II e III.
( E) Todas as afirmativas são verdadeiras.


18ª) (Enem – 2011)
O fenômeno de ilha de calor é o exemplo mais marcante da modificação das condições iniciais do clima pelo processo de urbanização, caracterizado pela modificação do solo e pelo calor antropogênico, o qual inclui todas as atividades humanas inerentes à sua vida na cidade.
BARBOSA, R. V. R. Áreas verdes e qualidade térmica em ambientes urbanos: estudo em microclimas em Maceió. São Paulo: EdUSP, 2005.

O texto exemplifica uma importante alteração socioambiental, comum aos centros urbanos. A maximização desse fenômeno ocorre
(A)pela reconstrução dos leitos originais dos cursos d’água antes canalizados.
(B)pela recomposição de áreas verdes nas áreas centrais dos centros urbanos.
(C)pelo uso de materiais com alta capacidade de reflexão no topo dos edifícios.
(D)pelo processo de impermeabilização do solo nas áreas centrais das cidades.
(E) pela construção de vias expressas e gerenciamento de tráfego terrestre.

19ª) (FGG – Adaptado) Sobre o fenômeno atmosférico conhecido como inversão térmica, analise as proposições:
I.   Esse fenômeno pode ser percebido durante todo o dia e durante a noite, porém a maior diferença de temperatura provocada por ele é melhor percebida entre as zonas rurais e urbana ao anoitecer, pois a área rural resfria mais rapidamente do que a zona urbana.
II.  Esse fenômeno intensifica-se no verão, pois, nessa época do ano, o ar próximo à superfície fica mais frio que o da camada de ar superior em decorrência do aumento da pluviosidade.
III. É um fenômeno que pode ser registrado principalmente em áreas urbanas e de alta concentração industrial.
IV.         Esse fenômeno causa doenças respiratórias, irritação nos olhos, intoxicações, porque a camada de ar frio que fica retida próxima à superfície concentra bastante poluentes que não se dispersam.

Está(ão) verdadeira(s):
( A) III e IV.
( B) II e III.
( C) II e IV.
( D) I e II.
( E) I e IV.

20ª) (Enem 2009) Observe a charge.




Reunindo-se as informações contidas nas duas charges, infere-se que
(A) os regimes climáticos da Terra são desprovidos de padrões que os caracterizem.
(B) as intervenções humanas nas regiões polares são mais intensas que em outras partes do globo.
(C) o processo de aquecimento global será detido com a eliminação das queimadas.
(D) a destruição das florestas tropicais é uma das causas do aumento da temperatura em locais distantes como os polos.
(E) os parâmetros climáticos modificados pelo homem afetam todo o planeta, mas os processos naturais têm alcance regional.

21- (FGG – CH) Ilhas de calor é o nome que se dá a um fenômeno climático que ocorre
principalmente nas cidades com elevado grau de urbanização. Nestas cidades, a temperatura
média costuma ser mais elevada do que nas regiões rurais próximas.
Imagem sem legenda


Uma das soluções para atenuar esse fenômeno climático é *

22- (FGG – CH) Observe o mapa sobre a ocorrência de chuvas ácidas. 

Imagem sem legenda 
É possível inferir corretamente que a maior incidência do processo descrito ocorre em virtude *

23- (FGG – CH) O aquecimento global designa o aumento das temperaturas médias do planeta ao longo dos últimos tempos, o que, em tese, é agravado pelas práticas humanas – embora existam discordâncias quanto a isso no campo científico. A principal causa desse problema climático que afeta todo o planeta é a intensificação do efeito estufa, fenômeno natural responsável pela manutenção do calor na Terra e que vem apresentando uma maior intensidade em razão da poluição do ar resultante das práticas humanas. 
************************************************************************************* 
Assinale a alternativa que melhor indica um argumento que contesta (contra) a contribuição da ação antrópica (homem) sobre o aquecimento global. *
24ª (FGG -CH) Leia. ************************************************************************************* CEARÁ TEM 11% DO TERRITÓRIO EM PROCESSO DE DESERTIFICAÇÃO, APONTA ESTUDO. ************************************************************************************* 
O Ceará tem 11,45% de seu território em processo de desertificação, processo de erosão que torna o ambiente árido e o solo infértil, similar à paisagem de um deserto. O dado foi divulgado pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) na véspera do Dia Mundial de Combate à Desertificação.(...) Como forma de combater o processo de empobrecimento do solo, a Funceme monitora um projeto piloto de recuperação de área degradada, implementado na cidade de Jaguaribe. A partir de técnicas de manejo e conservação do solo, uma área de cinco hectares vem ganhando nova vida com surgimento de espécies nativas da região e da própria caatinga."Conhecendo o solo pode-se planejar a sua utilização de forma adequada, considerando suas potencialidades e limitações", explica Sonia Perdigão.(...) ************************************************************************************* 
Sobre o processo de desertificação analise as proposições. ************************************************************************************* 
I - Desertificação é o mesmo que desertização, pois ambos são processos de destruição do potencial produtivo da terra por meio da pressão exercida pelas atividades humanas sobre ecossistemas frágeis, cuja capacidade de regeneração é baixa. ************************************************************************************* 
II- Estão entre as consequências do processo de desertificação: a eliminação da cobertura vegetal (podendo a extinguir algumas espécies de plantas e até de animais), a diminuição da biodiversidade, a salinização e alcalinização dos solos, o aumento do processo de erosão e a redução da disponibilidade e também da qualidade nos recursos hídricos. *************************************************************************************
 III- Entre as principais causas que são responsáveis por esse fenômeno, temos: o desmatamento, principalmente das áreas com vegetação nativa, o uso intensivo do solo, que geralmente é para a prática a agricultura ou pecuária, práticas inadequadas da agricultura (como alguns tipos de irrigação e o uso de agrotóxicos nas plantações), mineração e muitas outras. *************************************************************************************
 IV- As consequências na economia podem ser vistas na desvalorização das terras que sofrem esse processo de desertificação, pois por se tornarem improdutivas as pessoas não veem utilidade para elas, causando grandes prejuízos e favorecendo novos desmatamentos para fazer o uso das terras. ************************************************************************************* 
V- As principais áreas vulneráveis a desertificação no Ceará são: Região Metropolitana de Fortaleza, Sertão Central e Araripe. *************************************************************************************
 VI- São classificadas como áreas suscetíveis à desertificação, as que possuem degradação da cobertura vegetal, assoreamento dos rios, pastoreio excessivo, perda da biodiversidade, perda da capacidade produtiva do solo, baixa relação entre capacidade produtiva dos recursos naturais e a sua capacidade de recuperação. *************************************************************************************
 Está correto o que se afirma em: *
Imagem sem legenda


BONS ESTUDOS!!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário